Tag: Gràcia

roteiro: Park Güell e Gràcia


O roteiro Park Güell e Gràcia percorre o parque mais famoso de Barcelona e o tradicional bairro da Vila de Gràcia, um bairro muito popular na cidade, que até o ano de 1897, era uma cidade independente. É um bairro de ruas estreitas e retas, que se abrem em charmosas praças, repletas de cafés, restaurantes e muita vida. É uma região muito popular entre os habitantes de Barcelona e tem uma movimentada vida noturna.

Se você já conhece o Park Güell e se interessa unicamente pelo bairro de Gràcia, dê uma olhada no Roteiro 12 | Gràcia.

Dados práticos

  • Duração: 1/2 dia.
  • Periodo do dia: pode ser feito de manhã ou à tarde.
  • Melhor em: um dia sem chuva. O roteiro todo é ao ar livre e não tem a menor graça em um dia de chuva.
  • Nível de esforço: médio. Considerando a subida até o Park Güell, caso utilize o metrô para ir até lá.
  • Levamos as crianças?: Tirando o Park Güell o restante do roteiro pode interessar mais para os adultos, pois não há muitos lugares para que os mais pequenos brinquem.
  • Transporte: usando o metrô para chegar até o bairro (se preciso).
  • Você vai gostar desse roteiro se: quer conhecer o parque mais famoso de Gaudí e um bairro onde ainda não chegaram as multidões de turistas.
  • Escolha outro roteiro se: está atrás das grandes atrações turísticas (tirando o Park Güell, o roteiro não visita grandes destaques turísticos).

O roteiro

PONTO INICIAL. Veja nossas instruções detalhadas de como chegar ao Park Güell aqui. Você encontrará duas alternativas distintas para chegar lá, utilizando o transporte público (metrô ou ônibus).

1. Se você escolheu chegar de metrô, prepare-se para uma bela subida, com a ajuda de várias escadas rolantes, levando para uma entrada lateral do parque. Se preferiu utilizar o ônibus, chegará por outra entrada lateral do parque.

Park Güell, BarcelonaPark Güell, Barcelona

Incrível que uma das obras mais conhecidas e belas do arquiteto modernista Antoni Gaudí é, curiosamente, o resultado de um fracasso urbanístico.

Park Güell, BarcelonaPark Güell, Barcelona
Park Güell, BarcelonaPark Güell, Barcelona

O ingresso ao Park Güell agora é pago, e além disso é conveniente comprá-lo antecipadamente, pois existe um limite no número de pessoas que podem entrar no Park em cada horário determinado. Leia mais informações nos textos Park Güell e como comprar ingressos para o Park Güell.

2. Hora de se deslocar para o seguinte ponto do percurso, o bairro de Gràcia. Vamos sair do Park Güell pela porta principal, no carrer d’Olot e descer pelo carrer de Larrard até chegar na Travessera de Dalt. Entre na avenida à direita até chegar na estação de metrô Lesseps (são dez minutos de caminhada).

3. Nosso roteiro pelo bairro de Gràcia começa aqui.

Cases Ramos, BarcelonaCases Ramos, Barcelona

A estação Lesseps fica no limite norte do bairro de Gràcia e, antes de entrar no bairro, aproveite para ver a interessante Cases Ramos, uma construção modernista. Preste atenção nos inúmeros detalhes na fachada, incluindo as grades de ferro forjado das sacadas. Pedro Almodóvar utilizou o prédio para a filmagem de “Todo sobre mi madre”.

4. Entre no bairro de Gràcia pelo carrer Gran de Gràcia. É uma rua com muito trânsito, uma das principais rotas que corta o bairro de um extremo a outro. É também um importante eixo comercial. Descendo pelo carrer Gran de Gràcia, vire à direita na primeira rua que encontrar, o Carrer de les Carolines.

Casa Vicens, BarcelonaCasa Vicens, Barcelona

Na metade da rua, do lado direito, se encontra uma das primeiras obras de Antoni Gaudí, a Casa Vicens. Saiba mais sobre a casa lendo aqui. A casa não está aberta a visitação, mas aproveite para contemplar seu exterior.

5. Volte novamente até o carrer Gran de Grácia e vire à direita para continuar o sentido do passeio.

Casa Trilla, Barcelona

Nos números 177-181 encontra-se a Casa Trilla, uma lembrança da época em que as casas do bairro estavam rodeadas por campos de cultivo. Na fachada principal há um relógio de sol que, engolido pelos prédios vizinhos, ficou na sombra.

6. Chegando na altura da estação do metrô Fontana, entre à esquerda.

carrer d'Astúries, Barcelona

Você estará no carrer d’Astúries, uma das principais ruas de comércio do bairro.

Plaça del Diamant, Barcelona

Continuando pela rua, cruze a Plaça del Diamant. A Plaça del Diamant foi imortalizada na literatura através de um romance de Mercè Rodoreda, que conta a vida de La Colometa, uma mulher que luta para sobreviver num período muito difícil ao final da Guerra Civil Espanhola. Na praça há uma estátua que lembra a personagem central do romance.

Plaça de la Virreina, BarcelonaPlaça de la Virreina, Barcelona

Continue o passeio até chegar na Plaça de la Virreina. Entre nela à direita. Foi nesta praça que o virrei do Perú, de volta em Barcelona, mandou construir uma casa de veraneio, que em seu momento tinha uma maravilhosa vista da cidade de Barcelona. O elemento mais característico da praça é a igreja paroquial de Sant Joan de Gràcia, de 1884.

7. Vire à direita de novo para pegar o carrer de l’Or até seu encontro com o carrer de Verdi.

carrer de Verdi, Barcelonacarrer de Verdi, Barcelona

O carrer de Verdi é a rua que simboliza a alma de Gràcia. Nela se misturam comércios, restaurantes e uma das salas independentes de cinema mais importantes de Barcelona.

8. Desça pelo carrer de Verdi até seu final na Plaça de la Revolució.

Plaça de la Revolució, BarcelonaPlaça de la Revolució, Barcelona

O nome da praça lembra a revolução, ocorrida no século XIX, também conhecida como a Revolución Gloriosa, que destronou a rainha Isabel II de Espanha. O nome evoca, de forma perfeita, o espírito revolucionário que sempre esteve presente no bairro de Gràcia.
9. Vire à direita no final da praça e entre no carrer de Ramón y Cajal, que vai acabar dando em outra praça do bairro, a Plaça del Sol.

Plaça del Sol, BarcelonaPlaça del Sol, Barcelona

A Plaça del Sol é um dos espaços mais clássicos do bairro, muito movimentada dia e noite, quando chega a ser até barulhenta demais. Na praça há uma escultura chamada Astrolabi, que representa um relógio de sol com os signos do zodíaco.

Casa Ricard Mestres, Barcelona

Não perca, em uma esquina da praça, a Casa Ricard Mestres, um prédio residencial, magrelo e comprido, em estilo modernista.

10. Saia da praça pelo carrer Xiquets de Valls até chegar no coração do bairro de Gràcia, a Plaça de la Vila de Gràcia, o nome oficial da Plaça Rius i Taulet.

Plaça de la Vila de Gràcia, BarcelonaPlaça de la Vila de Gràcia, Barcelona

Na praça está a subprefeitura de Gràcia o, que a transforma no centro político do bairro. O elemento mais característico da praça é sua torre do relógio, também conhecida como campanário de Gràcia. Foi construída entre 1862-64 e a ideia era que o relógio pudesse ser visto desde qualquer ponto do bairro, que na época ainda não era parte da cidade de Barcelona.

11. Se interessar, dê uma pequena esticada para conhecer o Mercat de la Llibertat.

Mercat de la Llibertat, BarcelonaMercat de la Llibertat, Barcelona

É o mercado mais importante do distrito de Gràcia e ocupa um elegante prédio modernista. Leia mais sobre o mercado aqui.

12. Para sair do bairro de Gràcia, pegue de novo o carrer Gran de Gràcia na direção do Passeig de Gràcia.

Casa Fuster, BarcelonaCasa Fuster, Barcelona

O último ponto destacado do roteiro é a Casa Fuster, ocupada hoje por um hotel de 5*. Leia mais sobre a casa aqui.

PONTO FINAL. O roteiro pelo bairro de Gràcia termina aqui. Querendo pegar o metrô, và até a estação Diagonal das linhas 3 (verde) e 5 (azul).

[pinit count="horizontal"]

imagens das Festas de Gràcia 2013

Aliens, guloseimas, o fundo do mar, campos cultivados, Veneza, Mafalda, seres fantásticos, e, acima de tudo, uma expressão de criatividade e simpatia nas ruas de Gràcia, enfeitadas para a Festa Major de Gràcia 2013.

Nas fotos que ilustram este texto, tentamos registrar o clima que presenciamos na festa deste ano (2013). Se você for viajar para Barcelona, durante a segunda metade de agosto, anote a data das Festas de Gràcia no seu calendário.

Para saber mais sobre o distrito de Gràcia, clique aqui.

Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona
Festa Major de Gràcia 2013, Barcelona

[pinit count="horizontal"]

Plaça Rovira i Tries

Plaça Rovira i Tries (Plaça de la Vila de Gràcia), Gràcia, Barcelona

O distrito de Gràcia está composto por ruas estreitas, que se abrem em meia dúzia de pracinhas, que são parte da alma do bairro. A Plaça Rovira i Tries é uma delas.

Plaça Rovira i Tries (Plaça de la Vila de Gràcia), Gràcia, Barcelona

É uma praça agradável com vários cafés e barzinhos. Em um banco encontra-se uma escultura, em tamanho natural, do arquiteto Antoni Rovira i Trias.

Como chegar

A Plaça Rovira i Tries está dentro do bairro de Gràcia. Veja aqui a localização no mapa. A estação de metrô mais próxima é Joanic na linha 4 (amarela).

Dica do passaporte BCN

A praça está na parte alta do bairro de Gràcia e também pode ser visitada, caso você for caminhando até o Park Güell.

[pinit count="horizontal"]

Plaça Rius i Taulet (Plaça de la Vila de Gràcia)

Plaça Rius i Taulet (Plaça de la Vila de Gràcia), Gràcia, Barcelona

O distrito de Gràcia está composto por ruas estreitas, que se abrem em meia dúzia de pracinhas, que são parte da alma do bairro. A Plaça Rius i Taulet é uma delas. Aliás, depois de uma consulta popular, realizada em 2009, o nome oficial passou a ser Plaça de la Vila de Gràcia, apesar de muitos vizinhos ainda utilizarem a denominação anterior. Essa praça já teve outros dois nomes diferentes!

Plaça Rius i Taulet (Plaça de la Vila de Gràcia), Gràcia, Barcelona

Mesmo com toda essa questão de troca de identidade, a Plaça Rius i Taulet é o centro político do bairro. Nela está a subprefeitura de Gràcia. O elemento mais característico da praça é sua torre do relógio, também conhecida como campanário de Gràcia. Foi construída entre 1862-64 e a ideia era que o relógio pudesse ser visto desde qualquer ponto do bairro, que na época ainda não era parte da cidade de Barcelona.

Plaça Rius i Taulet (Plaça de la Vila de Gràcia), Gràcia, Barcelona

A praça é um lugar muito agradável para sentar e descansar, em algum dos numerosos cafés e bares distribuídos pela praça.

Plaça Rius i Taulet (Plaça de la Vila de Gràcia), Gràcia, Barcelona

Como chegar

A Plaça Rius i Taulet (Plaça de la Vila de Gràcia) está dentro do bairro de Gràcia. Veja aqui a localização no mapa. A estação de metrô mais próxima é Fontana na linha 3 (verde).

Dica do passaporte BCN

Se você gosta de visitar mercados locais, não muito longe da praça encontram-se o Mercat de l’Abaceria Central e o Mercat de la Llibertat.

[pinit count="horizontal"]

Plaça del Sol

Plaça del Sol, Gràcia, Barcelona

O distrito de Gràcia está composto por ruas estreitas, que se abrem em meia dúzia de pracinhas, que são parte da alma do bairro. A Plaça del Sol é uma delas.

Plaça del Sol, Gràcia, Barcelona

A Plaça del Sol é um dos espaços mais clássicos do bairro, muito movimentado dia e noite, quando chega a ser até barulhenta demais.

Plaça del Sol, Gràcia, Barcelona

Na praça há uma escultura chamada Astrolabi, que representa um relógio de sol com os signos do zodíaco.

Plaça del Sol, Gràcia, Barcelona

Em uma esquina da praça está a linda Casa Ricard Mestre, de estilo modernista, construída em 1913.

Como chegar

A Plaça del Sol está dentro do bairro de Gràcia. Veja aqui a localização no mapa. A estação de metrô mais próxima é Lesseps na linha 3 (verde).

Dica do passaporte BCN

A Plaça del Sol fica muito perto de outras duas praças importantes de Gràcia, a Plaça de la Revolució e a Plaça Rius i Taulet.

[pinit count="horizontal"]

Plaça del Nord

Plaça del Nord, Gràcia, Barcelona

O distrito de Gràcia está composto por ruas estreitas, que se abrem em meia dúzia de pracinhas, que são parte da alma do bairro. A Plaça del Nord é uma delas.

É uma das praças mais simbólicas do bairro, datando de 1851. Nela ainda se conserva uma fonte com o antigo escudo de Gràcia, quando ainda era uma cidadezinha independente de Barcelona.

Plaça del Nord, Gràcia, Barcelona

Na praça encontra-se também o prédio do Els Lluïsos de Gràcia, um centro cultural e esportivo. No alto da sua fachada pode ser visto um relógio de sol.

Como chegar

A Plaça del Nord está dentro do bairro de Gràcia. Veja aqui a localização no mapa. A estação de metrô mais próxima é Lesseps na linha 3 (verde).

Dica do passaporte BCN

A Casa Vicens, uma das primeiras obras de Antoni Gaudí, fica perto da praça. Não deixe de vê-la!

[pinit count="horizontal"]

Plaça del Diamant

Plaça del Diamant, Gràcia, Barcelona

O distrito de Gràcia está composto por ruas estreitas, que se abrem em meia dúzia de pracinhas, que são parte da alma do bairro. A Plaça del Diamant é uma delas.

Plaça del Diamant, Gràcia, Barcelona

A Plaça del Diamant foi imortalizada na literatura através de um romance de Mercè Rodoreda, que conta a vida de La Colometa, uma mulher que luta para sobreviver num período muito difícil ao final da Guerra Civil Espanhola. Na praça há uma estátua que lembra a personagem central do romance.

Como chegar

A Plaça del Diamant está dentro do bairro de Gràcia. Veja aqui a localização no mapa. A estação de metrô mais próxima é Fontana na linha 3 (verde).

Dica do passaporte BCN

O Carrer d’Astúries, perto da praça, é uma rua muito tradicional e agradável do bairro.

[pinit count="horizontal"]

Plaça de la Virreina

Plaça de la Virreina, Gràcia, Barcelona

O distrito de Gràcia está composto por ruas estreitas, que se abrem em meia dúzia de pracinhas, que são parte da alma do bairro. A Plaça de la Virreina é uma delas.

Plaça de la Virreina, Gràcia, Barcelona

É uma praça muito movimentada e animada, especialmente no final do dia. O elemento mais característico da praça é a igreja paroquial de Sant Joan de Gràcia, de 1884.

Plaça de la Virreina, Gràcia, Barcelona

Como chegar

A Plaça de la Virreina está dentro do bairro de Gràcia. Veja aqui a localização no mapa. A estação de metrô mais próxima é Fontana na linha 3 (verde).

Dica do passaporte BCN

A praça fica muito perto do carrer de Verdi, com muitas lojas, bares e restaurantes.

[pinit count="horizontal"]

Plaça de la Revolució

Plaça de la Revolució, Gràcia, Barcelona

O distrito de Gràcia está composto por ruas estreitas, que se abrem em meia dúzia de pracinhas, que são parte da alma do bairro. A Plaça de la Revolució (nome completo, Plaça de la Revolució de Setembre de 1868) é uma delas.

Plaça de la Revolució, Gràcia, Barcelona

O nome da praça lembra a revolução, ocorrida no século XIX e também conhecida como a Revolución Gloriosa, que destronou a rainha Isabel II de Espanha. O nome evoca, de forma perfeita, o espírito revolucionário que sempre esteve presente no bairro de Gràcia.

Plaça de la Revolució, Gràcia, Barcelona

Se você gosta de visitar mercados locais, a praça está perto do Mercat de l’Abaceria Central e do Mercat de la Llibertat.

Como chegar

A Plaça de la Revolució está dentro do bairro de Gràcia. Veja aqui a localização no mapa. A estação de metrô mais próxima é Fontana na linha 3 (verde).

Dica do passaporte BCN

Na praça está a renomeada Gelateria Italiana, um pit-stop perfeito em um dia de calor.

[pinit count="horizontal"]

Parc de la Creueta del Coll


Visualizar BCN parques em um mapa maior

O Parc de la Creueta del Coll é um parque construído em 1987 nos terrenos que antigamente eram ocupados por uma pedreira, no distrito de Gràcia, já bem perto da montanha do Tibidabo. Quem é de Curitiba ou conhece a cidade está familiarizado com esse tipo de parque, pois nela está o Parque das Pedreiras.

O parque conta com um grande espelho d’água, que no verão se transforma em piscina pública. É um importante ponto de encontro para os moradores do bairro.

É possível dar a uma volta por cima da pedreira, utilizando uma pequena trilha habilitada para esse propósito.

Na entrada do parque há um monolito chamado “Tótem”, obra do escultor americano Ellsworth Kelly. Sobre o espelho d’água há uma grande escultura, o “Elogio del Agua”, do escultor basco Eduardo Chillida. Está suspensa na superfície da água, sustentada por quatro cabos de aço. A escultura Cara de Barcelona, do artista Roy Lichtenstein, também seria colocada no parque, mas acabou indo para a região do Port Vell de Barcelona.

Visita

O parque abre das 10:00h da manhã até o pôr-do-sol. Há mais detalhes sobre ele nesta página da Prefeitura de Barcelona.

Como chegar

O Parc del Laberint está no Passeig Mare de Déu del Coll, 77. Veja aqui a localização no mapa. A estação de metrô mais próxima é a Peninents da linha 3 (verde).

Dica do passaporte BCN

Gostando de parques, é possível combinar a visita ao Park Güell com a visita ao Parc de la Creueta del Coll, saindo pela parte detrás do parque de Gaudí.

[pinit count="horizontal"]
12